O que você procura?

O Código de Defesa do Consumidor determina que o fornecedor repare ou troque o produto defeituoso a qualquer momento e de forma gratuita. Se houver dificuldade, a recomendação é procurar um dos órgãos de proteção e defesa do consumidor. 

 

Brasília, 12/01/16 - A Secretaria Nacional do Consumidor do Ministério da Justiça (Senacon/MJ) informa que a BMW do Brasil LTDA protocolou campanha de chamamento das motocicletas BMW, modelos C 600 Sport e C 650 GT, em razão de possibilidade de vazamentos de fluído de freio e comprometimento da eficiência de frenagem da roda dianteira das motocicletas.De acordo com a BMW, a campanha de chamamento abrange 187 motocicletas produzidas entre abril de 2013 e janeiro de 2015 e colocadas no mercado de consumo com numeração de chassi, não sequencial, compreendida entre os intervalos ZZ51928 a ZZ55652, para modelos C 600 Sport; e ZZ75205 a ZZ75416, para modelos C 650 G. 

Quanto aos riscos à saúde e à segurança dos consumidores, a BMW destacou ter constatado "que a flexibilidade da tubulação do sistema do freio dianteiro, a depender de sua posição de instalação, pode se tornar limitada". Diante disso, a BMW declarou que "o tubo flexível do freio dianteiro poderá entrar em contato com a suspensão, provocando atrito, o que poderá ocasionar vazamentos de fluído de freio que, a depender da intensidade, comprometerá a eficiência de frenagem da roda dianteira".  

Serviço 

Mais informações podem ser obtidas junto à BMW, por meio do telefone 0800 707 3578 ou pelo site www.bmw-motorrad.com.br. Detalhes sobre a campanha de chamamento também estão disponíveis no site do Ministério da Justiça – justica.gov.br

 

ASSINATURAMJ_PORTAL_0803_PARTE BCA.JPG

Redes Sociais

Política de Privacidade e Uso

Search